WORKSHOP – APROVEITAMENTO DE ÁGUA DE CHUVA DE BAIXO IMPACTO – SP

Bem vindos !

É com louvor que apresentamos mais um evento relacionado ao cuidado das Águas no meio urbano.

Aproveitamento da água de chuva em habitações uni-familiares, escritórios compartilhados, sedes de ONG´s,  escolas e creches, seja no meio urbano quanto no meio rural, do semi-árido e caatinga até regiões úmidas.

Este Workshop se destina a arquitetos, engenheiros, projetistas, amantes das águas, permacultores, interessados e pessoas conectadas ao cuidado da água e a redução no consumo de água potável, Bem finito e indispensável para a Manutenção da Vida na Terra.

Convite para WORKSHOP de Aproveitamento de Água de chuva em São Paulo-SP.

Convite para WORKSHOP de Aproveitamento de Água de chuva em São Paulo-SP.

Facilitador:

Leonardo Tannous possui graduação pelo Centro Universitário Senac (2009) como Engenheiro Ambiental, Livre Docência em Permacultura (2008), Paisagista pela Escola Municipal de Jardinagem SVMA (2010) e Designer para a Sustentabilidade – Eccovillage Design Programme – Gaia Education – UMAPAZ/SVMA (2008). Tem experiência na área de Engenharia Ambiental, com ênfase em manejo integrado de água na paisagem, atuando em projetos de aproveitamento de água de chuva, sistemas urbanos de drenagem sustentável, tratamento biológico de efluentes, e como educador socioambiental. Membro da Fluxus Design Ecológico desde Out/2010.

Sobre a Fluxus Design Ecológico:

Fluxus Design Ecológico atua na criação de ambientes regeneradores a partir do manejo integrado de água, em áreas urbanas ou rurais, da escala residencial à comercial ou industrial. É constituída por profissionais com formação acadêmica em arquitetura, agronomia, engenharia civil e ambiental, tendo a Permacultura como elo comum. Fluxus destaca-se pelo desenvolvimento de soluções customizadas de manejo integrado de Água, que contemplam estratégias conjuntas de atendimento das necessidades de curto, médio e longo prazo de empreendimentos, e das demandas do ambiente natural, aliadas a escolhas tecnológicas que apresentem mínimo consumo de recursos, baixa manutenção, alta eficiência, simplicidade de operação, e que essencialmente sirvam de inspiração para uma nova forma de se relacionar com a Água.

DATA:

22 de Abril das 19:00hs às 22:00hs (TEORIA)

&

26 de Abril das 08:30hs às 17:30hs (PRÁTICA)

2014.

Investimento:

R$120,00 à vista

Ou em 2x sendo a primeira parcela no ato da inscrição

e a segunda parcela no dia do evento.

 

Condições especiais para grupos. Entre em contato e verifique.

 

Local:

Rua Pedro Soares de Almeida, 78

 São Paulo, SP (10min do Metrô Vila Madalena)

DÚVIDAS & INSCRIÇÕES:

E-mail: pensaragua@outlook.com

Tel: (11)95146.2776 –tim – ERIKA

(11) 97996.1122 – vivo – LEONARDO

Para efetuar a inscrição é necessário efetuar o depósito

e enviar comprovante anexado para o e-mail acima.

-

Contamos com sua presença!

Curso teórico prático de Biodigestores e Biossistemas Integrados com Valmir Fachini

Car@s amig@s, acreditamos que uma verdadeira revolução no modus operandi de nossa sociedade só acontecerá através da Educação, num formato que sensibilize e una prática e teoria em abordagens sistêmicas. Assim, dedicados que somos a alterar de forma profunda a relação da sociedade com a Água, passaremos a oferecer cursos teórico-práticos, por instrutores projetistas da Fluxus, ou de parceiros competentes, sobre os temas que nos são caros. Para abrir com chave de ouro, teremos o enorme prazer de realizar nosso primeiro curso com a presença e coordenação do grande Mestre Valmir Fachini, fundador do OIA (O Instituto Ambiental), instituição pioneira na implantação de Biossistemas Integrados no país, com algumas centenas de projetos executados no Brasil e em toda América Latina. O curso acontece em um sítio familiar na agradável cidade de Pedra Bela, a 120km de São Paulo, situada no início da Serra da Mantiqueira, próximo à Bragança Paulista. Seja para tratar esgoto domiciliar, resíduos orgânicos ou mesmo efluentes de porcos (considerando que a região é o maior polo produtor de suínos do estado), o biodigestor é uma proposta muito valiosa de tratamento preliminar, e que se integra perfeitamente à proposta dos Biossistemas Integrados.

Biossistema Integrado é um conceito inovador que utiliza efluentes domésticos, de produção animal, e resíduos da agricultura, como fonte de produção de biogás e nutrientes, onde a água tratada é um subproduto do processo. O biodigestor é o primeiro elemento do biossistema, onde o efluente bruto é recebido e transformado em biogás e a matéria orgânica é transformada em nutrientes mineralizados, apropriados para aplicação agrícola, ou para reciclagem com produção de biomassa vegetal, que pode ser utilizada para produção de ração animal, cobertura de solo, compostagem, e uma infinidade de outros usos. Teremos trechos de teoria, exposições de fotos, estudos de caso e muita prática, com a construção de um biodigestor em alvenaria. Se você quer aprender sobre biodigestores, essa é a hora!

Sobre o facilitador: Valmir Fachini é co-fundador do O Instituto Ambiental (OIA), tem mais de 20 anos de experiência prática, da construção dos conhecidos biodigestores para comunidades de baixa renda em Petrópolis, à consultoria para o maior sistema de wetlands (zonas de raízes) implantado na América do Sul, atendendo 80.000 pessoas em Araruama/RJ. Vive desde 2010 no Haiti, onde tem trabalhado desde o terremoto que assolou o país em parceria com a Viva Rio na difusão da tecnologia dos Biossistemas Integrados.

Mais infos em: bit.ly/biodigestores

Prestigie, e compartilhe em suas redes!

Próximos cursos:

22 e 26 Abril: captação de água de chuva com Leonardo Tannous, em São Paulo/SP

10 e 11 Maio: telhado verde com Felipe Pinheiro e Peter Webb, em São Paulo/SP

23 e 24 Maio: energias renováveis e confecção de lâmpadas LED de baixo custo com Nilson Dias, em Pedra Bela/SP

 

Fluxus Contrata – CVs até 24/Jan!

Car@s amig@s,

Estamos buscando um profissional com formação técnica, prática e/ou acadêmica que atenda os pré-requisitos abaixo:
. Hidráulica predial (teoria e/ou prática) – nível intermediário/avançado;
. Informática: AutoCAD e Excel – nível intermediário/avançado;
. Inglês intermediário / avançado (para leitura/estudos e conversação);
. Prática diária de princípios mínimos de sustentabilidade;
. Perfil: pró-ativo, organizado, disposto a aprender e a colaborar na melhoria contínua dos nossos processos, habilidade para lidar simultaneamente com diversos projetos, e comunicativo(a). , disposto(a) a desenvolver projetos que desafiam a lógica convencional de processos e materiais voltados a sustentabilidade – em ambientes urbanos e rurais – com foco em soluções voltadas ao manejo integrado de Água, segundo a visão da Permacultura.

Desejável:

Habilidades no uso do Sketchup, REVIT ou outro software 3D;
Conhecimentos de permacultura;
Noções de hidrologia;

More na região da Vila Madalena/Sumaré/Pompéia/Pinheiros/Lapa/ Barra Funda ou imediações.

Disponibilidade:

Inicialmente de 3 a 5 vezes por semana, meio período ou integral, de acordo com o perfil e disponibilidade;
Contrato temporário de 3 meses, com vistas a incorporação do(a) contratado(a) como colaborador(a) permanente do escritório.

Atividades:

Elaboração de pré-estudos e projetos técnicos no AutoCAD, Sketchup e Excel, com suporte técnico da equipe Fluxus;
Visitas técnicas de acompanhamento de projetos;
Estudos técnicos visando desenvolvimento de novas plataformas de ação em gestão integrada de água segundo a visão da Permacultura.

Local de trabalho:

Escritório nas imediações da Rua Heitor Penteado (São Paulo), a poucas quadras do Metrô Vila Madalena, em escritório compartilhado, também sede da Livraria Tapioca.Net, com acesso a todo o acervo da livraria para estudos pessoais.

Para conhecer um pouco mais de nossos trabalhos acesse as páginas a seguir:

Blog Fluxus:

http://www.fluxusdesignecologico.wordpress.com

Fluxus no Facebook:

https://www.facebook.com/#!/pages/Fluxus-Design-Ecol%C3%B3gico/348851478464125?fref=ts

Projeto Harmonia 57 (2007/2008):

http://www.archdaily.com/6700/harmonia-57-triptyque/

Projeto Residencial em Itu (2008/2009):

http://www.leonardofinotti.com/projects/pv-house

Guia de Sustentabilidade em Meios de Hospedagem – Santander (2010)

http://sustentabilidade.santander.com.br/biblioteca/Lists/Biblioteca/DispForm.aspx?ID=127

Estádio Nacional de Brasília – Mané Garrincha (2012)

http://pagina22.com.br/index.php/2012/10/mane-garrincha-na-frente-do-gol/

 

Os interessados devem enviar CV com referências para o endereçofluxus@designecologico.net, com o assunto “VAGA” até 24/Janeiro. Início previsto em Fevereiro.

Curso Gratuito de Introdução à Permacultura Urbana na Subprefeitura de Pinheiros

Querid@s amig@s,

Começando mais um Ano com todo gás e renovados, reforçamos a brilhante novidade, de um curso gratuito de introdução à permacultura oferecido em conjunto com a subprefeitura de Pinheiros. Levando a permacultura para o coração da cidade!

Por favor, espalhem a novidade em suas redes!

Desejando um lindo ano de plenitude, realizações e muita Harmonia com nossas Águas,

 

Guilherme Castagna

x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x

 

Curso Gratuito de Introdução à Permacultura Urbana na Subprefeitura de Pinheiros

De 3 a 16 de fevereiro. Visitas técnicas e aulas às segundas e quartas a partir de 18h e no sábado (8/2). Atividades práticas no final de semana 15 e 16/2.

Conteúdo

  • O que é permacultura e exemplos de técnicas permaculturais aplicadas com sucesso em diversos países.
  • Manejo de água: captação de chuva e tratamento local de efluentes.
  • Eficiência energética e implementação de sistemas renováveis de energia.
  • Técnicas de agricultura urbana.
  •  Vermicompostagem doméstica e compostagem rápida de grande quantidade de resíduos orgânicos com a utilização de enzimas.

Com
Ariel Kogan, Claudia Visoni, Edward Borghstein, Felipe Pinheiro, Guilherme Castagna, Julio Avanzo, Natália Garcia, Peter Webb, Rui Signori

Inscrições até 17/1 (Vagas Limitadas!)
Acesse o formulário: http://goo.gl/tyHoU3

Realização

Grupo de Permacultores

CADES Pinheiros (Conselho de Meio Ambiente, Desenvolvimento Sustentável e Cultura de Paz)

div.permapinheiros2014

Vídeo “Produzido em São Paulo” revela cidade rural pouco reconhecida

Por AHPCE

E-mail

A mensagem de que São Paulo pode se tornar um caso exemplar para a produção orgânica, com seu mercado consumidor de cerca de 11 milhões de habitantes e áreas rurais que sustentam a qualidade de vida, é o pano de fundo do vídeo “Produzido em São Paulo” – iniciativa das organizações da sociedade civil que compõem a Plataforma de Apoio à Agricultura Orgânica na Cidade de São Paulo, que veem na agroecologia urbana o caminho para o município compensar seu enorme impacto ambiental, investindo em alimentos saudáveis e, consequentemente, na proteção do clima, água, ar e na saúde das pessoas.

O vídeo traz os resultados da Semana de Agroecologia, realizada em maio de 2013 na Câmara Municipal de São Paulo, e que representa um marco nas políticas públicas para o fortalecimento da produção orgânica na cidade, em que parlamentares e sociedade civil passaram a assumir compromissos conjuntos, a exemplo da construção do Projeto de Lei da Merenda Orgânica em São Paulo. Nasce também no âmbito da Plataforma, lançada em 2012, para comprometer candidatos a prefeito e vereador com a zona rural de São Paulo.

Em linguagem atraente e cativante, com base em histórias vivas e atuais, o filme dá voz a produtores, consumidores e especialistas no tema, revelando a relação entre a produção de alimentos orgânicos e a qualidade de vida do paulistano. O lançamento aconteceu em 16 de outubro, na Câmara Municipal de São Paulo, durante o ato Oficial da Semana Mundial da Alimentação.

Segundo os organizadores do vídeo, é possível transmitir às pessoas o valor de quem produz respeitando a terra e o alimento, e ao mesmo tempo viável ter políticas públicas que consideram o aspecto ambiental e social no sistema de produção, a exemplo das propriedades que protegem a água da cidade.

Se São Paulo possui 443 agricultores cadastrados em seu território, apenas a pequena parcela de dez produtores são orgânicos, comercializando seus produtos principalmente nas oito feiras orgânicas existentes hoje na cidade. Mas são os depoimentos e situações apresentadas pelo vídeo “Produzido em São Paulo” que revelam a dimensão do potencial de crescimento desse ecomercado.

Frequentadores da Feira do Modelódromo no Ibirapuera, por exemplo, questionam visão do alto custo dos orgânicos e reforçam sua economia em termos de saúde, evitando impactos do envenenamento por agrotóxicos. Já os produtores mostram o desafio da certificação orgânica, aliado ao prazer em se trabalhar em harmonia com a terra.

Assista a “Produzido em São Paulo” e compartilhe: http://www.youtube.com/watch?v=Dx1cH8keL64

Artigo sobre Manejo Integrado no Estádio de Brasília

Artigo sobre Manejo Integrado no Estádio de Brasília

O Portal AECWeb – O Portal de Arquitetura, Engenharia e Construção publicou como estudo de caso o projeto da Fluxus de manejo integrado de águas pluviais no Estádio de Brasília.

Vale ler o artigo e saber mais sobre o desenvolvimento desse projeto!

Curso de desenvolvimento criativo em Arquitetura e Design em novembro!

De uma viagem imersiva à África do Sul o casal Bruna Fogaça e Gabriel Arruda se encantaram com espaços que os impactaram por promoverem bem estar e aprendizado “passivo”: não era necessário dizer sobre a construção, ela falava por si!

As sincronias de 8 meses de encontros possibilitou que eles conhecessem os arquitetos que projetaram tal espaço, descobrindo que havia uma intenção, uma metodologia aplicada não apenas ao espaço, mas também às formas do design, da arquitetura à concepção de espaços e sua relação com o entorno e com os usuários. Descobriram também que esta metodologia não era puramente funcional, ela problematizava e considerava também as representações simbólicas, até espirituais e que esta dupla de arquitetos, Keith e Shannon, estavam envolvidos no desenvolvimento de um curso havia alguns anos para difundir a metodologia e compartilhar a experiência.

O encantamento foi tão intenso que voltando ao Brasil se esforçaram para possibilitar e viabilizar o curso aqui, pela primeira vez fora da África do Sul, e após muito cuidado, carinho e dedicação o curso está aberto à inscrições, em duas datas e locais: Em Ilha Bela, em formato imersivo de três dias 08, 09 e 10 de novembro e em São Paulo também em três dias 15, 16 e 17 de novembro.

Para maiores informações visite o site: http://www.cursodesignearquitetura.com.br/Imagem